Como definir minha agência de comunicação ?

Voltar
Como definir minha agência de comunicação ?

Alinhar suas expectativas com a produtividade de uma agência digital pode não ser uma tarefa fácil. Ambos devem estar focados em resultados e entender que o sucesso dessa ação será algo de duas vias. Tanto cliente quanto agência precisam trabalhar coletivamente para fazer a diferença.

A comunicação tem evoluído consideravelmente nos últimos anos, meses e dias. As mudanças são constantes e exige um grande jogo de cintura dos agentes para manter ativas boas estratégias e a aplicação correta dos meios disponíveis. Assim, escolher uma agência pode não ser tão simples. É necessário avaliar uma série de fatores, principalmente o grau de maturidade dessa equipe e sua constante capacitação.

É preciso considerar que o marketing digital já ultrapassou as barreiras da “Presença Web”. Ele está focado em resultados, sejam financeiros ou institucionais e as agências ganharam versões de “parceiros de negócios”. E é esta atuação que influenciará sua empresa e seus negócios em curto, médio e longo prazo. Mas então? Quais os parâmetros que uso para definir que agência escolher?  Nós trouxemos algumas dicas que poderão auxiliar nesta avaliação.

1- Tenha bem definido seus objetivos

Antes de definir sua agência é preciso saber o que você deseja obter com o trabalho dela. Saiba qual o resultado que você pretende atingir. Defina o ponto prioritário e secundário. Tendo isso claro a agência poderá trabalhar focada e ficará mais fácil alinhar estratégias.

2 – Defina seu orçamento

Você já deve ter ouvido algumas vezes a expressão “custo x benefício”. Essa premissa também vale para os serviços digitais. É importante que você tenha um orçamento pré-definido para manter a saúde de seu negócio, mas tão importante quanto, é considerar que neste caso o menor preço pode não ser a melhor opção. Avalie propostas e veja qual a competência técnica das agências.

3 - Avalie campanhas anteriores

Uma boa agência terá um portfólio interessante para lhe apresentar. Avalie campanhas já realizadas e veja qual o perfil combina com sua empresa ou modelo de negócio. Além de analisar os conteúdos criados, você conhecerá outros clientes o que deve colaborar para sua decisão.

4 – Não se limite geograficamente

Se há algo positivo nos avanços tecnológicos é o rompimento de barreiras geográficas que limitavam a prestação de serviços. Hoje é possível escolher fornecedores de qualquer lugar e tratar todos os assuntos pertinentes de forma on-line. Então, se você se interessar pelo trabalho de uma agência que está distante da sua empresa isso não será um problema.

5 – Leia sobre o que está procurando

Certamente você já leu sobre os serviços de marketing digital e sabe que há uma gama variada de ações na área. Ler sobre o que você está procurando seja para a criação de um site, um blog, a construção de conteúdos ricos ou mesmo para iniciar uma campanha de Adwords irá lhe ajudar a interpretar melhor as propostas apresentadas. Não precisa ser um grande conhecedor dos serviços, mas noções básicas irão lhe ajudar a não adquirir serviços que não condizem com seus objetivos.

Imagens relacionadas

Voltar
Carregando...
Top