Marketing nas redes sociais

Voltar
Marketing nas redes sociais

Entendendo o contexto das redes

As redes sociais são as queridinhas de todo mundo. Afinal quem não tem uma conta em alguma rede social? Nem que seja só em uma. Para os negócios pode ser uma excelente porta de entrada para o mundo digital, mas isso não é garantia de sucesso. Será preciso ter uma boa estratégia e um time de marketing afiado para conseguir bons resultado.

Gary Vaynerchuck disse uma vez que: “Se o conteúdo é o rei, contexto é o Deus”.  Para quem não sabe, Gary é um dos papas do marketing digital quando o assunto é redes sociais. Ele possui mais de um milhão de seguidores em perfil no Facebook e sempre tem excelentes dicas sobre o assunto. É um verdadeiro expert no ramo e por isso abaixo mostramos o desempenho da Fan Page dele:

Incrível não é mesmo? Com mais de 1 milhão de seguidores ele consegue ter um desempenho excepcional dentro da rede. Mas agora, vamos falar de nós, meros mortais com seus 500, 700 ou 1k, 2k de seguidores. Como obter bons resultados dentro das redes sociais?

Vamos entender resumidamente como podemos trabalhar dentro das três maiores redes sociais: Facebook, Instagram, Twitter. Não que Linkedin ou Pinterest não sejam importante, mas aqui a dica é começar pelo que está mais popularizado.

As três grandes 

Facebook  – mais de 1.65 bilhões de pessoas possuem uma conta na rede social. Cerca de 900 milhões de pessoas utilizam o messenger do Facebook e afinal, o que esses números todos tem haver com meu negócio? Esses números mostram o quanto vale a pena investir tempo dentro da rede, mesmo porque ela é gratuita para empresas e pode ser um bom termômetro junto ao seu público.

O conteúdo que pode ser compartilhado dentro da rede é variado, desde simples textos a imagens, gifts animados e vídeos. Este último vem demonstrando excelentes resultados dentro da rede, mas lembre-se sempre de legendar o vídeo.

Para se ter um bom desempenho, aposte na consistência de postagens. Isso significa que, poste sempre. Mantenha periodicidade.  Não adianta fazer 30 posts em um dia e passar seis meses sem postar nada. Crie um cronograma mensal de postagens. Seu seguidor está presente todo dia na rede social.

Outro grande segredo para se ter bons resultados é criar uma estratégia para a rede social. O Facebook não é e-commerce para você ficar postando toda hora para que seu cliente compre o seu produto ou serviço. Por isso é muito importante trabalhar de forma estratégica dentro da rede. Qual o seu objetivo com a rede social? Gerar tráfego para seu site? Difundir a marca? Melhorar o relacionamento? Defina o objetivo principal e trabalhe duro em cima dele.

Crie conteúdo diferenciado. Se você tiver um site melhor ainda. Crie posts que irão ajudar seu cliente de alguma forma e divulgue em suas redes sociais. Crie quizzes, vídeos… Existe uma infinidade de conteúdo que pode ser criado. Busque sempre o engajamento dos seus seguidores. Crie materiais que eles vão gostar e que eles irão compartilhar. 

Instagram – conta com mais de 400 milhões de usuários. Recentemente na sua nova atualização permite que sejam compartilhados vídeos curtos.

Esta rede é uma excelente opção para quem trabalha com produtos visuais, como roupas e acessórios. Não que ela não funcione para outros tipos de produtos, mas o conteúdo que pode ser compartilhado lá é mais de cunho visual como imagens e vídeos.

Dica de ouro: tenha sempre bem completas todas as informações da sua empresa dentro da página e se possível, verifique-a. Ao verificá-la (Aquele certinho azul) você passa mais credibilidade para seu seguidor.

Twitter – com cerca de 310 milhões de usuários por mês, ela funciona de uma maneira muito peculiar. Só é possível fazer post textuais com até 140 caracteres. Foi assim que conquistou milhares de adeptos a ela.

Uma das grandes vantagens do twitter é que ele entrega o que você posta para 100% da sua base de seguidores, diferente de Facebook e Instagram que entregam para apenas uma parcela dos seus seguidores.

Não leve para o pessoal afinal as redes sociais se tornam negócios e como todo empreendimento é preciso ter lucro. Falando em dinheiro, o Facebook conta o com FacebookADS que é uma ferramenta de anúncios para as páginas.

Com ela você tem uma infinidade de opções, desde apenas impulsionar suas publicações para que mais pessoas a vejam até descobrir quantas pessoas que compraram produtos no seu site vieram da sua base de fãs do Facebook.

Se você tiver interesse em aprender um pouco sobre o Facebook ADS, nós temos um e-book sensacional com dicas especiais de como utilizar a ferramenta e acelerar os seus resultados. Clique aqui para baixar.

Conclusão

Lembre-se “Se o conteúdo é rei, o contexto é Deus”. Sempre que for entrar em uma nova rede social, entenda o contexto da rede. O que queremos dizer com isso? Exemplo, o Linkedin é uma rede social voltada para as empresas, o que você publicar lá deve ser diferente do que você vai publicar no Facebook, por exemplo.

Cada rede social tem sua peculiaridade, cada uma tem um tipo de público alvo específico, idades, gêneros, você irá trabalhar com objetivos diferentes em cada uma delas.

E para fechar com chave de ouro, lembre-se sempre dá consistência. Não deixe suas redes sociais desatualizadas. Acredite no longo prazo, está é a melhor estratégia que existe.

Imagens relacionadas

Voltar
Carregando...
Top